quarta-feira, 17 de julho de 2013

Programação do 2º Festival Cenáculo de Teatro Cristão

Em julho de 2012, ocorreu com grande sucesso na cidade de Duque de Caxias o I Festival Cenáculo de Teatro Cristão. O evento contou com a participação de 10 espetáculos, provenientes de 4 estados de nosso país, e teve público superior a mil expectadores nos dois dias de apresentações. Marcada para o mês de julho de 2013, às vésperas da Jornada Mundial da Juventude, a segunda edição do Festival está ainda maior.
Realizado pela Cenáculo Cia. Teatral e pelo Núcleo C3 – Cristão Católicos em Comunicação, e com o apoio do Teatro Raul Cortez, da Prefeitura, da Secretaria de Cultura e da Diocese de Duque de Caxias, o II Festival Cenáculo de Teatro Cristão vem reafirmar seu propósito em contribuir para a democratização do acesso à cultura e ao lazer na Baixada Fluminense, proporcionando gratuitamente à sua população espetáculos de reconhecida relevância artística.
Este ano a pluralidade promete ser a marca do evento, que terá caráter internacional. O festival selecionou para sua segunda edição onze produções teatrais com temática cristã e/ou social. Estarão presentes grupos do Rio de Janeiro, de São Paulo, de Minas Gerais, de Alagoas, do Paraná, e até da Guatemala, país localizado na América Central. As companhias se apresentarão dias 20 e 21 de julho no Teatro Raul Cortez e concorrerão a prêmios em categorias técnicas e religiosas. Para enriquecer ainda mais esta experiência, além do bate-papo que cada grupo tem com os jurados ao fim das apresentações, no alojamento disponibilizado para os grupos, haverá na noite de sábado uma roda de conversa para que os participantes possam conhecer os processos de criação artística uns dos outros.
Além das apresentações, os intervalos do festival serão preenchidos com jogos de improviso, música com a banda Ressurreisamba e orações. No sábado pela manhã, antes de serem abertas as apresentações no teatro, os grupos participantes, maquiados e caracterizados, farão uma ação pública pelas ruas da cidade, apresentando cenas e convidando a população para os espetáculos, que serão gratuitos. No domingo, além das apresentações, haverá missa de ação de graças na Catedral de Santo Antônio, cerimônia de premiação e um show de encerramento com música popular com o Coral Nossa Senhora da Glória. As apresentações começam às 10h e seguem durante todo o dia.

Confira abaixo a programação completa:


terça-feira, 26 de março de 2013

INSCRIÇÕES ABERTAS para o 2º Festival Cenáculo de Teatro Cristão

Organizado pela Cenáculo Cia. Teatral e o Núcleo C3 – Cristãos Católicos em Comunicação, o 2º Festival Cenáculo de Teatro Cristão acontecerá no fim de semana que antecede a Jornada Mundial da Juventude, quando a cidade de Duque de Caxias já estará abrigando jovens de vários lugares e se movimentará na semana missionária. Esta é uma grande oportunidade não apenas de mostrar aos jovens do Brasil e do mundo o bonito trabalho que estes grupos brasileiros desenvolvem como, ainda, propiciar arte e cultura gratuitas aos participantes da JMJ e também à população do estado do Rio de Janeiro.

Leia abaixo o regulamento e inscreva seu grupo!




REGULAMENTO


1. Do Objetivo

1.1 - A Cenáculo Companhia Teatral e o Núcleo C3 promoverão, nos dias 20 e 21 de Julho de 2013, o II Festival Cenáculo de Teatro Cristão, que objetiva promover o intercâmbio, através de um festival de caráter ecumênico, competitivo, entre grupos que trabalhem o teatro como forma de divulgação de mensagens de paz, esperança, educação, responsabilidade social, humanidade e fé, entre outros; destacar e divulgar novos artistas; valorizar o teatro; incentivar manifestações culturais na Baixada Fluminense e promover a união e a educação.



2. Da Pré-Inscrição

2.1 - Todos os interessados em participar do festival deverão preencher a ficha de pré-inscrição (anexo 1) e enviar os documentos descritos abaixo até o dia 05 de maio de 2013, para o e-mail festivalcenaculo@gmail.com (O e-mail deverá conter, no campo “assunto”, o texto “Inscrição”)
·         Ficha de Pré-Inscrição preenchida;
·         Sinopse do espetáculo;
·         Texto do espetáculo;
·         03 fotos do espetáculo;
·         Currículo do espetáculo
·         Matérias publicadas na imprensa sobre o espetáculo (se houver);
·         Currículo do Grupo;

2.2 - Ainda para realizar sua pré-inscrição, cada grupo deverá encaminhar para a organização do I Festival Cenáculo de Teatro Cristão um DVD com a filmagem da peça via correio (Igreja São Sebastião, A/C: Leandro Fazolla: Av. Gal. Rondon, Lt 56, Qd 07 - Gramacho, Duque de Caxias, RJ – CEP 25060-236), ou entregar pessoalmente na secretaria da paróquia acima mencionada; O DVD poderá ter a gravação de uma apresentação ou ensaio geral do espetáculo, e deverá ser devidamente identificada com o nome do grupo e do espetáculo. O material deve estar com boa qualidade de áudio e vídeo;

2.3 - O material de pré-inscrição postado via correio terá como referência, para sua aceitação, a data de postagem do material;

2.4 - Todo o material recebido não será devolvido, passando a fazer parte do acervo do festival;

2.5 - Não serão aceitas inscrições de grupos que tenham, entre seus integrantes, membros da comissão de organização e/ou realização do festival;

2.6 - Não serão aceitas pré-inscrições que não atenderem todas as exigências dos itens acima descritos;



3. Da Seleção

3.1 - A seleção dos grupos inscritos para o Festival será feita pela Comissão Organizadora do mesmo;

3.2 - Caberá a esta Comissão selecionar, dentre os trabalhos inscritos, 10 (dez) espetáculos, assim como dois suplentes para o caso de desistência ou impossibilidade de participação de alguma peça selecionada.

3.3 - A divulgação da Seleção se dará em 02 de junho de 2013, através dos endereços www.cenaculociateatral.blogspot.com e cenaculociateatral.wix.com/cenaculociateatral, pelo facebook e por e-mail;

3.4 - Os grupos selecionados receberão a ficha de inscrição definitiva e a ficha de autorização de uso de imagem e som via e-mail.

3.5 - Divulgaremos o 11º e o 12º colocados, em ordem, para que, no caso de eventual desistência, estes possam vir a serem chamados.



4. Da Inscrição Definitiva

4.1 - Os dez grupos selecionados pela Comissão Organizadora para participar do festival deverão realizar sua inscrição definitiva até 16 de Junho de 2013 preenchendo a ficha de inscrição definitiva e enviando-a junto com os seguintes documentos/materiais:
·         uma foto 3x4 recente de cada atriz / ator, em formato digital.
·         Comprovante do depósito escaneado com o valor total do pagamento de uma taxa obrigatória de R$ 15,00 (quinze reais) por integrante do grupo (incluindo parte técnica). Em caso de desistência, o valor da inscrição não será devolvido. Os valores deverão depositados até o dia 16 de junho de 2013 em uma das seguintes contas correntes:
    • Banco Itaú: Ag. 8830 / Cc: 29468-5, em nome de Leandro Fazolla Rodrigues dos Santos
    • Banco Bradesco: Ag 0473 / Cc: 1006338-8, em nome de Camila Fagundes de Oliveira Alves.
·         Autorização escaneada de uso de imagem e som para fins de divulgação do festival devidamente assinada por todos os membros do grupo (Em caso de menor de 18 anos, a autorização deverá ser assinada pelo seu responsável). A ficha original deverá ser trazida e encaminhada para a comissão do festival no dia do credenciamento do grupo (20 de julho).



5. Do Evento

5.1 - A apresentação de todos os espetáculos participantes do festival se dará no Teatro Municipal Raul Cortez (Praça do Pacificador, Centro – Duque de Caxias, RJ) nos dias 20 e 21 de Julho de 2013 entre as 9:30h. e 20:00h.

5.2 – A entrada no teatro para assistir aos espetáculos será gratuita.

5.2.1 Em caso de público externo, os participantes dos grupos inscritos no festival serão convidados a ceder seus lugares na platéia.

5.3 - O horário de chegada dos grupos ao teatro será às 8:00h. É obrigatória a presença de TODOS os integrantes de cada grupo para procedimentos de identificação e orientação.

5.4 - Não será permitido o consumo de alimentos nos espaços internos do teatro (platéia, camarins e coxias).

5.5 - Todas as despesas relativas a transporte e alimentação transcorrerão por conta de cada grupo.

5.6 - A organização do festival disponibilizará, para os grupos oriundos de outros estados, que não o Rio de Janeiro, alojamento e parte da alimentação do período do festival. Será de responsabilidade de cada grupo levar suas roupas de cama bem como materiais de higiene pessoal.

5.6.1 – A equipe organizadora se compromete a oferecer aos grupos o jantar do sábado e o café da manhã do domingo. As outras refeições ficam a cargo dos próprios grupos.



6. Do Festival

6.1 – A ordem de apresentação no festival será decidida pela Comissão organizadora do evento, levando em consideração, entre outros fatores, o deslocamento dos grupos de seu lugar de origem até o local do festival. Grupos que tenham problemas com horários devem comunicar e justificar na ficha de inscrição definitiva, para que se tente conciliar da melhor forma possível as apresentações, respeitando a necessidade de cada um.

6.2 - Não será permitido em hipótese alguma:
·         Perfurar o palco e/ou as cortinas do teatro com alfinetes, pregos, parafusos e/ou similares;
·         Descarregar no piso do palco pedras, areia, serragem, tinta ou similares;
·         Trabalhar com fogo em cena aberta ou bastidores que cause risco ou algum dano ao teatro e ao público;
·         Utilizar qualquer elemento cênico que represente perigo para os presentes;
·         Entrada de pessoas que não sejam do elenco ou da Comissão Organizadora nos camarins ou locais reservados;
·         A entrada ou saída da sala de espetáculos durante as apresentações.
·         Ingerir qualquer bebida ou comida nas dependências internas do teatro, assim como bebidas alcoólicas e/ou drogas lícitas – incluindo cigarros – e/ou ilícitas (salvo medicamentos sob orientação médica) tanto nas dependências do teatro quanto nos alojamentos. Da mesma forma, nenhum componente de qualquer um dos grupos poderá se apresentar e/ou freqüentar os espaços do festival sob o efeito de álcool ou drogas (Os grupos que descumprirem este quesito perderão pontos na contagem geral da premiação. No caso do uso de bebidas alcoólicas e/ou drogas, o grupo será desclassificado do festival);

6.3 - Cada grupo terá 15 (quinze) minutos para montagem de cenário e 15 (quinze) minutos para desmontagem. Este será o tempo também para que o iluminador e o sonoplasta conheçam a cabine e os equipamentos a serem utilizados. A apresentação deverá ter, no máximo, 60 (sessenta) minutos. Caso não utilize os 30 (trinta) minutos para a montagem e desmontagem de cenário, o grupo poderá dispor de 90 minutos para sua apresentação. O grupo que ultrapassar o tempo permitido será punido perdendo 0,5 pontos por minuto nos primeiros 5 minutos de atraso, e 1 ponto a partir do 6º minuto.

6.4 - Caberá a Organização identificar e comunicar os momentos apropriados para utilização de cada área disponível (salas, palco, camarins e cenário). Aos integrantes dos grupos só será permitida a utilização de qualquer área através da apresentação do crachá previamente entregue aos participantes do festival.

6.5 - Cada grupo será responsável pela limpeza e organização dos camarins e do palco após o seu horário de uso.

6.6 - Luzes e sons adicionais deverão ser comunicados na ficha de inscrição definitiva para que a equipe técnica de som e luz do evento possa avaliar a possibilidade ou não de uso dos mesmos.

6.7 - A torcida que não respeitar qualquer apresentação será convidada a se retirar do teatro. O grupo responsável pela torcida será punido, através de perda de pontos na categoria Participação.

6.8 - O não cumprimento de qualquer uma das regras citadas acima ou de outras, estabelecidas posteriormente pela organização do festival, implicará em perda de pontos ou até mesmo na desclassificação do grupo, de acordo com a gravidade do ocorrido, ficando este julgamento a caráter da comissão organizadora do festival.



7. Da Premiação

7.1 - A Organização do Festival indicará a comissão julgadora que será composta por 3 profissionais da área teatral para definir os premiados nas seguintes categorias técnicas:


·         Melhor texto original;
·         Melhor direção;
·         Melhor espetáculo;
·         Melhor iluminação;
·         Melhor ator;
·         Melhor atriz;
·         Melhor ator coadjuvante;
·         Melhor atriz coadjuvante;
·         Melhor sonoplastia;
·         Melhor cenário;
·         Melhor maquiagem;
·         Melhor figurino;
·         Prêmio especial do júri.

7.2 – Haverá ainda um júri religioso para avaliação das seguintes categorias:
·         Coerência Religiosa;
·         Mensagem evangelística.

7.2.1 – Os prêmios religiosos levarão em consideração:
- Coerência Religiosa: A coerência do texto e da direção do espetáculo em relação ao tema proposto pela peça, de acordo com parâmetros religiosos;
- Mensagem evangelística: A mensagem passada pela apresentação teatral, como um todo, independentemente de questões técnicas.

7.3 – Ficará a cargo da comissão organizadora escolher os indicados e os vencedores das seguintes categorias:
·         Melhor organização;
·         Melhor participação;

7.4 - A organização do festival premiará os 3 indicados em cada categoria com troféu para o 1º lugar e medalhas para os outros dois indicados (Exceto o Prêmio Especial do Júri, que possui apenas um vencedor, sem outras indicações, podendo ser conferida para qualquer aspecto que mereça ser ressaltado de qualquer uma das apresentações do festival e que não se inclua nas categorias acima mencionadas).

7.5 - A decisão da Comissão Julgadora é irrecorrível.

7.6 - O resultado final do festival será apresentado no dia 21 de Julho de 2013, durante a cerimônia de premiação e encerramento.

7.7 - O título de Campeão Geral do festival será concedido ao grupo que obtiver maior pontuação na somatória de pontos de todas as categorias (sendo 5 pontos para indicações a prêmios e 10 pontos para premiações, exceto o prêmio de melhor espetáculo, que contará 20 pontos), estando automaticamente inscrito para a terceira edição do festival, que ocorrerá, a princípio, em data a ser marcada no ano de 2014, não estando isento da taxa de inscrição e nem dos materiais a serem entregues.

7.7.1 – A Comissão Organizadora do Festival poderá desclassificar o grupo vencedor do ano anterior caso o espetáculo venha a ferir ou não esteja de acordo, em alguma instância, com os eixos cristão e social do festival.



8. Ação Cultural Pública

8.1 – A Ação Cultural Pública acontecerá no primeiro horário do festival. Os membros de todos os grupos (com exceção do primeiro a se apresentar), deverão se reunir na Praça do Pacificador, Duque de Caxias, em frente ao Teatro Municipal Raul Cortez, para fazer uma ação cultural pública de divulgação do festival. Solicitamos que tragam e usem instrumentos musicais, maquiagens, perucas coloridas ou outros acessórios e figurinos que possam chamar a atenção dos passantes. A ideia é fazer uma espécie de passeata para divulgar o evento na cidade e convidar os habitantes locais. Para isso, cada grupo receberá filipetas e materiais de divulgação.

8.1.1 – A Ação Cultural Pública deverá ser feita tendo em vista o respeito à ordem da cidade. Qualquer transtorno causado pelos participantes do festival será punido com perda de pontos.



9. Momento Jogos de Improviso

9.1 - O Momento Jogos de Improviso será apresentado nos intervalos entre os espetáculos, sempre com duração de até 5 minutos.

9.2 - Os Jogos de Improviso serão formados por um componente de cada grupo e deverão ser executados tendo como base uma modalidade de jogo apresentado pela organização do Festival.

9.3 – Os grupos que não tiverem pelo menos um participante diferente em cada Momento Jogos de Improviso perderá ponto na pontuação do quesito participação, por cada vez de ausência.

9.3.1 – No caso de grupos com número de participantes inferior à quantidade de Momento Jogos de Improviso, será permitida a  repetição de componentes apenas quando todos já tiverem participado.



10. Disposição Geral

10.1 - Os casos não especificados neste regulamento serão levados à comissão organizadora, que terá autonomia em suas decisões.



11. Dúvidas ou informações:

11.1 – Dúvidas ou informações deverão ser encaminhadas para o e-mail festivalcenaculo@gmail.com, contendo no campo “assunto” o texto “Informação – Festival”.




------------------------------------------------
SOLICITE A FICHA DE PRÉ-INSCRIÇÃO VIA EMAIL OU COPIE AS INFORMAÇÕES ABAIXO:



FICHA DE PRÉ-INSCRIÇÃO
 
 
Nome do Grupo: 
Paróquia ou Comunidade:
Responsável pelo Grupo:  
Religioso Responsável:  
Endereço:
Nº:                                                             Complemento:                                          Bairro:   
Cidade:                                                      Estado:                                                      CEP: 
E-mail:
Telefone 1:                                               Telefone 2:                                               Telefone 3:
Nome do Espetáculo:
Autor:                                                        Diretor:
Duração do Espetáculo:
Tempo de montagem:                               Tempo desmontagem:
Incluir ficha com NOME, PERSONAGEM E/OU FUNÇÃO NO ESPETÁCULO (DIREÇÃO, ILUMINAÇÃO, PRODUÇÃO ETC), IDADE E E-MAIL DE CADA COMPONENTE DO GRUPO.
 
De acordo com as normas do festival,
 
___________________________________
 
 
COMISSÃO ORGANIZADORA
2º Festival Cenáculo de Teatro Cristão









quarta-feira, 11 de julho de 2012

Divulgando a Programação:

Dia 28 de julho de 2012 (sábado):

09:30h.: Ação Cultural pelas ruas da cidade;
10:00h.: Abertura do teatro;
10:10h.: “No quarto de Luiza” –Bezalel (RJ);
11:30h.: “Quem me roubou de mim” – Fé e Arte (ES);
14:00h.: “Livre pelo Amor” – Hupernikao (RJ);
15:20h.: Improviso com os grupos;
15:40h.: “O caso do cara” – Virgem de Nazaré (SP);
17:00h.: “Apocalipse” – ONG ECOA (RJ);
18:20h.: Improviso com os grupos;
18:30h.: “O que eu vou ser quando crescer” – Papelão (SP);

Dia 29 de julho de 2012 (domingo):

09:30h.: Missa de Ação de Graças na Catedral de Santo Antônio;
11:00h.: “Em busca do rei dos reis” – Vivarte (SP);
13:30h.: “A fé além da visão” – Grupo UNIDEV (PR);
14:10h.: Improviso com os grupos;
14:20h.: “A arca de Noé” – Paz e Bem (SP);
15:50h.: Improviso com os grupos;
16:00h.: “Eu, realidade falsa” – El Shamah (RJ);
17:30h.: Show especial;
18:30h.: Cerimônia de Premiação.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

sábado, 26 de maio de 2012

INFORME:

VIMOS INFORMAR QUE, DEVIDO À GRANDE QUALIDADE E QUANTIDADE DE GRUPOS INSCRITOS, ASSIM COMO ALGUMAS DIFICULDADES DE AGENDA NOSSAS, A DATA DE DIVULGAÇÃO DOS GRUPOS SELECIONADOS PARA O I FESTIVAL CENÁCULO DE TEATRO CRISTÃO FOI ADIADA DE 25 PARA 27/05 (ESTE DOMINGO). CONTAMOS COM A COMPREENSÃO DE TODOS!

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Último dia da II Mostra Cenáculo

O último dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso será lembrado pela presença marcante de crianças na plateia, que, motivadas pela apresentação do espetáculo infantil No quarto de Luiza, lotaram o Centro Cultural Guararapes e tiveram uma deliciosa surpresa:  os palhaços da esquete Barquinho de Jornal,  apresentada pelo Ministério Teatral Ierart.
Em sua segunda participação na atual edição da mostra, o Ministério Teatral Ierart (que já  tinha encenado a esquete Jesus, Gabriel e a Mala no dia 17/03) mostrou ao público uma esquete comovente, na qual os apóstolos, travestidos de palhaços, apresentavam dúvidas sobre como agir após a partida de Jesus.  A música e a ambientação proposta deram à peça um clima de ludicidade que encantou a todos os presentes.
Já a apresentação da Cia. Teatral Bezalel garantiu os risos da criançada. Com uma trama leve e personagens bem definidosNo Quarto de Luiza conta a história da Boneca Miúca, que ao se sentir inferiorizada por não ser como as bonecas tradicionais, resolve ir embora, causando uma grande confusão entre os demais brinquedos. A peça transmite aos pequenos a mensagem de que ser diferente é normal e que todos somos iguais aos olhos de Deus. Sem dúvidas, um grande ensinamento para nossos dias de intolerância.

No encerramento do evento, foi feita uma homenagem a Juçara Pinna Neves, madrinha do grupo que, oito anos atrás, incentivou sua criação. O troféu de agradecimento foi entregue por Renato Pinna, ator da Cenáculo e filho da madrinha do grupo. 
Felipe Madeira, do grupo Ierart, fez a oração de encerramento.
Esta segunda edição da mostra foi marcada por uma grande diversidade de gêneros teatrais, com oito diferentes grupos e nove espetáculos apresentados, tivemos comédias, dramas, infantil, esquetes e até mesmo stand up comedy. Percebemos também um aumento do público em relação ao ano anterior, quando o projeto começou. Percebendo esta aceitação, ainda no encerramento, foi confirmada, para 2013, a III edição da Mostra

É a Cenáculo buscando contribuir cada vez mais para o desenvolvimento do teatro cristão e da cultura em Meriti!

Passada a II Mostra, o nosso próximo encontro com o teatro cristão (além das apresentações mensais que vêm por aí) na Diocese de Duque de Caxias e São João de Meiri já tem data e local marcados: será nos dias 28 e 29 de julho, no Teatro Municipal Raul Cortez, em Duque de Caxias, onde realizaremos pela primeira vez o Festival Cenáculo de Teatro Cristão.
Contamos com a presença, o apoio e, é claro, as ORAÇÕES de todos que caminham conosco nesta estrada.
E então? Juntos faremos também daquele palco um altar?

domingo, 1 de abril de 2012

24/03: 4º dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso

No 5º e último dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso, 31 de março,
 mais dois espetáculos gratuitos, às 18:30h.,
no Centro Cultural Guararapes
(Auditório do Colégio Guararapes: Rua Santos Dumont, 28 - Jardim Meriti)
Veja abaixo as informações sobre cada grupo e espetáculo:

-----------------------------------------------------
"Barquinho de Jornal"

Texto: Ministério Terra dos Palhaços
Direção: Beatriz Nascimento
Elenco: Erick Oliveira, Felpe Madeira e Rogério Pepa
Quando Jesus foi crucificado, alguns discípulos resolveram voltar aos barcos e à pesca. Essa decisão, possivelmente, foi acompanhada de uma profunda crise existencial. Durante três anos eles seguiram a um mestre que agora não estava mais ali e eles não sabiam como fazer para que suas vidas voltassem ao normal.

-----------------------------------------------------
"No quarto de Luiza"

Texto e Direção: Dayse Valentim
Elenco: Ana Américo,  Camila Favacho, Daniel reis, Dayse Valentim,  Gilmara Américo,  Layla mendes, Luana Mayra, mariana Correa, Marcos Reis
A peça narra a história da boneca Miúca, que, por se sentir diferente dos outros brinquedos, resolve ir embora. A menina Luiza percebe seu sumiço e junto a todos os seus brinquedos resolvem ir em busca da boneca desaparecida. Esta grande aventura se passa dentro do quarto de Luiza. Juntos, Luiza, Miúca e todos os outros brinquedos vão descobrir que ser diferente é ser muito especial.

Veja como foi o 4º dia da mostra

No penúltimo dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso, fomos brindados com dois espetáculos completamente diferentes: primeiro, a comédia “Anjo Black”, com sua crítica bem humorada sobre preconceito racial; depois, o denso espetáculo “Livre pelo amor – O vendedor de Ilusões”, que levou a plateia a refletir sobre as próprias ações e sua espiritualidade.

O espetáculo “Anjo Black”, trazido pela Cia. Teatral Arena de Cristo utilizou amplamente a interação com a plateia para tratar de uma tema tão atual, o preconceito racial. Contando as aventuras de Black, um anjo negro, no paraíso, o texto do espetáculo passeia por vários momentos bíblicos e temáticas sociais para mostrar que “tá rolando um preconceito na parada”. A frase, bordão do anjo, foi repetida diversas vezes com a ajuda da plateia. E as brincadeiras com os membros da Cenáculo continuaram: Flávio Gonzalez, ator que interpreta Blak, durante o espetáculo, brincou criando trocadilhos e piadas com os sobrenomes de Rafael Pinna e Vinicius Baião, membros da Cenáculo.

  O espetáculo seguinte foi apresentado pela Cia. De Artes Hupernikao. Em “Livre pelo amor – O vendedor de Ilusões”, a companhia mostrava a vida de três pessoas que percorreram caminhos errados, usando o jogo de xadrez como metáfora para o desenrolar da história. E enquanto as peças se moviam no tabuleiro, o público ia sendo conduzido pela história que se apresentava no palco, com momentos fortes de crítica, tanto ao próprio país quanto às próprias religiões e a presença de pessoas que tentam passar uma imagem mas não vivem sua religiosidade de forma real.

 Ainda que uma forte chuva tenha caído exatamente no horário de início da mostra e atrapalhado muita gente de ir assistir aos espetáculos, tivemos a presença de um público que começa a se tornar cativo e abrir espaço em sua rotina para apreciar o teatro religioso. Ao fim do evento, Flávio Gonzalez fez a oração de encerramento do dia.



quinta-feira, 22 de março de 2012

24/03: 4º dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso

No 4º dia da II Mostra Cenáculo de Teatro Religioso, 24 de março,
 traremos dois espetáculos para apresentações gratuitas, 
às 18:30h. no Centro Cultural Guararapes
(Auditório do Colégio Guararapes: Rua Santos Dumont, 28 - Jardim Meriti)
Veja abaixo as informações sobre cada grupo e espetáculo:

-----------------------------------------------------

"Anjo Black"

Texto e Direção: Luiza Regina Reis e Flávio Gonzalez
Elenco: Flávio Gonzalez e Carla Gonzalez

É um urubu?É um avião? Naão!
É o ANJO BLACK!
PREPARE-SE...
Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram e nunca se riu tanto...
 Black é um anjo inconformado com a maneira como as pessoas são preconceituosas dentro e fora das Igrejas. Ele vem a terra para reclamar e mais, parece que no céu, também "tá rolando um preconceito na parada!"

-----------------------------------------------------

"Livre Pelo Amor
O Vendedor de Ilusões"


Texto: Fillipe Lima
Direção: Fillipe Lima
Elenco: Fillipe Lima, Edson Matos, Rafaelle Rodrigues, Juliana Barbosa e Lucas Brinati
Produção: Cia. de Artes Hupernikao

Quimera é o vendedor de uma inusitada loja. Valéria, Vicente e Alice estão nesta loja e são consumidores de seus produtos. Tudo parece normal e prazeroso até o momento em que eles percebem que para sair enfrentarão a maior batalha de suas vidas. Como vencer a incredulidade, a falta de esperança e a ilusão que todos os dias são oferecidos para nós? Quem somos? Para que existimos? Qual o verdadeiro objetivo da vida? “Livres pelo Amor – o Vendedor de Ilusões” propõe à sua platéia uma profunda reflexão sobre o que somos e o que podemos ser. Uma luta entre Fé e Razão é travada. Quem vencerá esta guerra? Os personagens são confrontados com os seus maiores medos e precisam agir enquanto há tempo.  Como vencer a hipocrisia, o medo, a ilusão, os traumas, as mentiras, as drogas e a depressão? Com seriedade, responsabilidade e à luz da Palavra de Deus questões sobre estes temas são levantadas e cabe aos personagens e, principalmente, à platéia buscarem as respostas. O drama é latente, o suspense é real. Prepare-se para momentos de tensão e, principalmente, momentos onde o amor vencerá qualquer adversário!